Tudo o Que Ela Sempre Quis
Autora: Barbara Freethy
Editora Novo Conceito 
320 páginas

Sinopse:
A busca por um terrível segredo pode não ser a melhor opção
Ela era a melhor amiga deles, ou assim eles pensavam — até anos mais tarde, quando seus segredos os levam a uma perigosa busca pela verdade sobre quem ela realmente fora… e por que morrera… Dez anos atrás, em uma festa louca, a linda e estonteante Emily caminhava para sua morte, deixando seus três melhores amigos e suas “irmãs” — Natalie, Laura e Madison — devastados. Nenhum deles esquecera aquela noite — ou o papel que cada um teve na morte de Emily, a culpa que os persegue e a perda que ainda sofrem. Agora, um escritor desconhecido entra na lista dos livros mais vendidos com um romance similar à história deles. Quem é ele? Como ele sabe os detalhes íntimos de suas vidas? E por que ele está acusando um deles como assassino? Quando eles começam a desvendar a verdade sobre a amiga em comum, irão redescobrir um amor que ela perdeu há muito tempo e descobrir segredos que vão mudar sua vida para sempre…

Resenha:
Me surpreendi bastante com o livro. Acho que não há palavra melhor do que “surpresa” para descrever meu sentimento ao virar a última página. Como eu já disse anteriormente (e talvez você não tenha ouvido, haha), eu não considerava o livro como do “meu tipo”. Ledo engano. Descobri isso após as primeiras 50 páginas.
            Natalie parece, agora, uma mulher normal; porém, seu passado revela coisas que a deixaram marcadas para sempre. Filha de uma mulher viúva que só andava bêbada, ela só fora descobrir o que era felicidade de verdade ao entrar na faculdade e começar a dividir o quarto com uma certa Emily – garota que logo se tornou sua melhor amiga… Até que um acidente trágico levou Emily para sempre, deixando Natalie e mais duas amigas (Laura e Madison) totalmente devastadas. Isso foi há mais de 10 anos atrás, porém, alguém parecia estar tentando reavivar a história, publicando um livro polêmico que parecia acusar Natalie como assassina de Emily, que caíra da cobertura do prédio onde moravam… Por sua carreira, e também pela memória de sua falecida melhor amiga, Natalie se junta a Cole – seu ex-namorado, irmão de Emily – para desvendarem quem está por trás desse livro e se os fatos mostrados pelo autor eram mesmo verdade… Será que a querida Emily havia sido assassinada?
            Em algum momento do livro, a estória passa a não ser somente de Natalie e Cole, ambos buscando a verdade, mas de todos: Laura, Madison, Drew… vários personagens que fizeram parte da vida de Emily durante aquele curto período na faculdade. Todas elas poderiam ter sido a que assassinou a inocente Emily… Ou será que Emily não era tão inocente assim? Com uma narrativa perfeita – pecando somente em alguns diálogos irreais -, Barbara Frethy construiu uma estória com personagens muito verdadeiros e realmente frutos de um passado. Todos possuíam defeitos, erros, qualidades. Esse foi o principal ponto forte do livro, ao meu ver, pois deixou-o mais “viciante”, digamos assim. Haha.
            Do inicio ao fim, o combustível do livro é as retomadas ao passado e as perguntas que cresciam cada vez mais. A autora não deixou pontos soltos, quanto a isso. Todos os personagens tiveram parte de sua história de vida contada – não de forma abrupta, mas gradual – para explicar alguns comportamentos que possuem na atualidade. Entre um capitulo e outro, parece que corremos junto com os personagens, que se aproximam e se distanciam da verdade, enquanto juntam os pontos suficientes para explicar o que aconteceu naquela noite que Emily misteriosamente caiu da cobertura do prédio.  O livro não é simplesmente de mistério, mas uma mistura de romance e ação, com uma pitada não muito acentuada de drama.
            Como eu disse, o livro me surpreendeu de diversas formas. Não achei que ficaria tão envolvida com os personagens, nem ao menos com o assassinato/acidente de Emily. Mesmo ao mais perspicaz, é impossível saber que o autor do assassinato de Emily é aquele que é descoberto no final! Simplesmente muito bom. Mas, como eu disse, apesar dos personagens super reais que a autora fez – cada um com seu passado muito bem construído -, alguns diálogos me pareceram irreais e meio romanescos demais, para um romance de mistério… Mas, enfim, isso não diminui em nada o fato de que não conseguirá parar de ler até devorar o livro. (Epa, o livro é bom, mas nada de comê-lo de verdade, ok? Haha).
Nota: 9.5
Ass.: Arine-san 

          Em breve, promoção em aliança com o blog da Mylloka, sorteando esse livro e mais outro. Dois livros e um ganhador!

28 comentários em “[Resenha] Tudo o que ela sempre quis (Barbara Freethy)

  1. Parabéns pelo blog, acabei de descobrir ele por você Mary me falando da promoção que ta rolando e já aproveitei para dar uma olhada geral. Gostei da resenha, pois demonstra de um forma geral o que se passa no livro e o que você realmente achou dele, e no final a citação que não conseguiremos para de le-lo, só me deixou com mais vontade ainda de ler =D

    Curtir

  2. Parabéns pela Resenha, eu ja estava bem interessada em ler esse livro e com sua resenha só me deixou ainda mais curiosa. Gostei muito do seu ponto de vista sobre a história que ao invés de nos contar tudo como ja vi em resenhas nos deixou ainda mais com vontade de ter o livro em mãos

    Curtir

  3. Oie!
    Obrigada pelo convite, amei o blog *.*
    Pois é, menina, a sua resenha ficou Top <3 E eu bem ouvira comentários sobre o livro, tanto na blogosfera como no skoob. Principalmente no Twitter. Adoro livros não-previsíveis, e acho que este foi o fator primordial para me interessar por ele. Aguardando ansiosa e torcendo!
    beijocas

    This

    Curtir

  4. Curti, curti, curti… Imaginei que fosse só mais uma história de amor boba. talvez não boba, mas uma história daquelas cujas quais já estamos acostumados…
    Curti bastante a resenha… E quero o meeeeeeeeeeeeeeeeu

    Curtir

  5. Eu estava na livraria esses dias e quando vi esse livro resolvi ler a sinopse e amei, fiquei loooouco pra ler, mas tava sem money wihweo e quando eu vi no blog a resenha vim conferir e parece que é bom mesmo! estou muuuito ansioso pra ler!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s